"O justo atenta para a vida dos seus animais, mas o coração dos perversos é cruel." Provérbios 12.10

domingo, 30 de novembro de 2008

Depois de uma semana.


Oi Amigos


Depois de uma semana sem falar por aqui, eu, mami do Mozart, consegui tempo pra postar.

Essa semana foi super corrida no trabalho e com o Mozart se recuperando, no pouco tempo de sobra estava me dedicando a ele seja com carinho ou com visitas ao veterinário.


Fiquei preocupada pois ele não usou o colar e lambia o ponto da cirurgia, mas graças a Deus ele tá super legal, na sexta fomos na veterinária e ela disse que está ótima a recuperação dele!!!


Aconteceu um fato chato nessa visita ao veterinário, ganhei um arranhão do Mozart no rosto, saiu bastante sangue e a marca vai ficar aqui por um bom tempo, fiquei um pouco triste com ele mas sei que foi puro instinto e que ele ficou triste por ter feito isso comigo, quando voltamos para casa eu ficou um tempão tristonho.


Ah, a novidade da semana são os enfeites de natal, o Mozart amou a árvore de 1,5m que está montada num canto da sala, ele ama ficar descansando embaixo dela como se estivesse buscando sombra. Muito engraçado!!!

Mas o fato é que já tinha pensando em desmontá-la pois ele estava alucinado tirando todas as bolas dos ganhos e mexendo tanto na árvore que ela caiu 2 vezes. Depois de 2 dias com a árvore trancada num quanrto inascesível ao Mozart resolvi dar mais uma chance e coloquei novamente na sala. Depois de algumas broncas acho que ele desistiu de acabar com a nossa linda árvore!!!


Vocês tiveram alguns desses problemas com os amigos felinos? Ser machucada por ele ou ter que desmontar os enfeites de natal?


Por favor me contem como reagiram!


Bjs e lambidas!!!


7 comentários:

Uniqua disse...

Oi Vivi...
Sobre a arvore de Natal, nao sei, porque como temos sempre passado o Natal no Brasil, nem monto arvore aqui na Italia. A nellie nem conhece, tadinha. Mas sobre arranhar, ela ja me arranhou, sim, e como. Mas sempre quando estava com medo ou muuuuito brava. Uma das vezes foi quando ela estava gravida e eu precisava segurar ela para fazer o ultrassom. Ela até que aguentou uns 10 minutos, mas depois se enfezou e começou a dar uns pinotes. Como ela ja tava bem barriguda, fiquei com medo dela cair da mesa e machucar os bebes, tentei segurar mais firme e ja era... uma bela arranhada no rosto. Mas depois desinfetei na veterinaria mesmo, nem ficou marca. Tadinha, ela ficou toda confusa, passou um tempao me olhando com cara de caneca, ficava dando beijinhos... Mas logo fizemos as pazes... eheheh Afinal, como resistir àqueles olhinhos azuis redondinhos te pedindo desculpas??
Bjs
Uniqua

Teodoro disse...

Eu já mordi e arranhei mami quando ela me deu banho e foi bem feio... Fiquei triste depois também, mas fizemos as pazes. Um beijo.

milene widholzer disse...

Oi Vivi!
Uns arranhões, de vez em quando, fazem parte -hehehe- principalmente pq a Mina é toda enroladinha - consegue se meter em apuros, fica toda nervosinha, e sai distribuindo "fffffffffiii" e patadas por todo o lado. Por exemplo, quando resolve se espreguiçar no sofá e fica com a unha enganchada, geralmente não consegue sair e não quer deixar eu me aproximar p soltar. Graças a Deus os "apuros" dela não são sérios - é como ela mesmo diz com os olhinhos - "mamis, eu sou tão atrapalhadinha"!! E na hora de dar banho, segurar p dar remédios ou segurar no veterinário quem faz isso é meu marido - é o único que ela não arranha, ele é o humano favorito dela (eles sempre tem um "eleito"). Quanto a árvore de Natal, fazem 7 anos que ela escala a pobre árvore, como se fosse o rei leão ou algo assim. No 1º Natal dela conosco ela tinha só 2 meses de vidinha e ficava um amor subindo na árvore e ficando lá em cima - ela era tão levinha!! Mas os anos foram passando, ela foi engordando(infelizmente não só ela) e os galhos do meu pobre pinheiro foram vergando cada vez mais - e não tem quem convença ela de que subir no pinheiro não dá mais. A noite, sem mais nem menos, quando a árvore começa a tremer toda, do nada (parece filme de terror)...eu já sei.. lá está ela, bem quietinha tentando subir de novo e de novo e de novo e de novo...
Fazer o que ... já estamos tão acostumados que o Natal que ela não quiser fazer isso não vai ter a menor graça!!
Bjs

Crazy Mary disse...

Oi Vivi!
Os meus também já me arranharam, mas sempre em situações de stress, nervosismo ou medo. O Bubbles ODEIA tomar banho e arranha mesmo, só dá pra dar banho nele no veterinário. Mas de resto é tranqüilo, mesmo pra tomar remédio. Já a Tcheca é mais bravinha, mas quando arranhou sempre foi por alguma situação específica e por instinto.
Sobre os enfeites de Natal, é assim mesmo. É tudo novidade, tão interessante! Mas é mais no começo, eles brincam, cheiram e depois enjoam e procuram outro brinquedo.
bjos!

Nana disse...

Vivi:
Aqui em casa árvore de natal não tem chance... ainda mais com 3 gatuchos..rs
Ano passado montei uma pequena e coloquei em cima do bar, lugar ideal para uma árvore, logo a Cristal já estava lá derrubando tudo, este anos nem tentei.. só coloquei uns enfeites que estão sendo destruidos aos poucos.
Em relação ao arranhão, a gente precisa ter cuidado mesmo, outro dia o Zé mordeu minha filha no rosto, briguei com ele e com ela, pq ela deve ter cuidado, é animal, tem instinto. Ele também já mordeu meu ex marido qdo estava no veterinário... reação de defesa.
tem que se cuidar !!
Bjs

Silvia disse...

Oi Vivi!
quanto a arranhões e mordidas, sou cheia de marquinhas... rsss
O Jafar sempre foi muito doido maluco malvado e arranhava a gente. No caso dele, de propósito mesmo. Todo cuidado é pouco :) Mas no caso do Mozart, deve ter sido só pelo stress mesmo, ele é muito dócil!
Sobre os enfeites de natal, também o Jafar foi um apaixonado... ele amava fazer parte do presépio que mamãe insistia em montar... e a árvore foi uma tragédia à parte.
rsssss

Catish disse...

Os meus gatos não ligam muito para a arvore, mas adoram roer as fitas e depois vomitam-nas :(

Quanto a mordidas, uma vez a minha molly deu-me uma dentada na mão, porque eu insisti em seca-la com o secador, foi a ultima vez que o fiz.
Bjs